sexta-feira, 11 de abril de 2008

PAIXÃO MATEMÁTICA...

ou...Motivação, ou...Solução?

Porque não...

Estudos e estudos , conferências e conferências, livros e livros sobre o problema da Matemática, do ensino da Matemática, das pretensas dificuldades da aquisição do conhecimento matemático, sobre o nosso problema com a Matemática e ainda ninguém se tinha lembrado disto?

Sinceramente gostava que pegasse, e que alastrasse como praga a docentes de outras áreas mesmo já enamorados! Bastava colocar-lhes o prefixo (Re)!

A brincadeira “kitschvidesca” é minha ( que frustração esta de não ser realizador) a música , bem a música...estou a corar é assim de uma espécie de “JustGirls” à espanhola, “ Papa Levante”.

Desculpem qualquer “cousinha” colegas “cinzentões”, mas sem humor não há Professor, sem Humor não há Educação! E olhem que até estou bem incomodado com a aprovação do novo modelo de gestão!

Dedicado a uma “humildenorme” Professora de Matemática que descobri na blogosfera, para quem a Matemática é uma caixinha de segredos matriuscos , que quanto mais se abre, mais se descobre e ama. Ela sabe quem é , mas nome não digo, não vá ela começar a produzir glicinas, alaninas, serinas e tirosinas de vaidade! (eh!eh!)

Ah! Dedico também este vídeo à minha filha secundária, que apesar de ter excelente média em Científico, não gosta mesmo de Matemática e me pergunta sistematicamente se só existe uma forma “horrível” de ensinar Matemática. Respondo-lhe que não sei, porque cozinhar bacalhau e História sei eu, e de dezenas de maneiras!


video

Desde que se enamoró,
el profesor de matemáticas,
anda buscando una ecuación
que le dé la solución, a sus problemas.

desde que se enamoró,
el profesor de matemáticas,
no hace más que multiplicar,
los minutos que se van,
como pájaros que vuelan.

soy menos que el uno,
porque necesito al dos,
y si el tres aparece,
se me parte en mil partes,
mi corazón.

desde que se enamoró,
el profesor de matemáticas,
han empezado a aparecer,
pintadas, sobre la pared,
del instituto.

desde que se enamoró,
el profesor de matemáticas,
se olvido el número "pi".

quizás no pueda corregir,
los exámenes de junio.

4 comentários:

Raul Martins disse...

E com Humor se vão dizendo as coisas... E a brincadeira "Kitschvidesca" até está engraçada. Mais meios tiveras e até davas um bom realizador.
A minha "Pipoca" gostou da música. Ela adora matemática.
Qualquer dia temos é que ver essa do bacalhau de várias maneiras!

Raul Martins disse...

Não é uma receita de bacalhau... mas é engraçada:
http://rucamartins-porummundomelhor.blogspot.com/2008/04/moda-da-anabela-magalhes.html

Carpe diem!

JMA disse...

Pois é... a solução não pode deixar de passar por aí.

3za disse...

Tenho andado um bocadito longe do PC nestes dias... razões familiares... obrigada JMA pela seta até aqui e Existente instante pelos sorrisos que me provocas... :)